Corfield, Lda
Av. Marechal Craveiro Lopes, nº 145 2775-698 145 R/C Lisboa Carcavelos, Portugal
214586780 912178522 sergio.cordeiro@nevadabobs.pt
Sergio Cordeiro
16/12/2000
Estoril
https://nbgcard.com.pt/uploads/seo/big_1607618205_8319_logo.png 505097931

Dicas NBG // Características que deve saber antes de comprar uns Ferros Novos

Um erro comum é pensar que quanto mais caros forem os seus ferros, melhor será o seu Jogo. Pagar elevados valores por Equipamento não baixa, necessariamento o Handicap a nenhum Golfista. No entanto, existem marcas que investem mais em investigação, do que outras. Como saber tirar partido destas, daí resultantes e de outras características?

 

Alguns pontos importantes antes de comprar os seus próximos Ferros de Golfe:

 

A Vareta é o eixo do taco, quanto melhor fôr a vareta, melhor o ferro.


A Flexibilidade da Vareta
tem um efeito determinante no “heel” do taco e uma importância de destaque na distância, pelo que deverá ser uma questão vital na escolha dos seus Ferros. Caso não saiba qual a velocidade do seu “Swing” (Km/h), dirija-se a uma das Lojas Nevada Bob’s Golf ou fale com o seu Profissional.


O tipo de Design da Cabeça
também influência, cada vez mais, as características do vôo da bola. Com tanta oferta disponível, sugerimos que opte pelas Lojas que fomentam a experimentação antes da compra. Não há pior sentimento do que descobrir que o seu Driver novo, afinal não é nada do que esperava...


Iniciados e handicaps altos
que desejem construir o seu primeiro Set, deveriam considerar eliminar o Ferro 3, substituíndo-os por madeiras 5, 7 ou mesmo 9, preferencialmente com design “shallow face”.


Todos os jogadores deveriam jogar com comprimentos de varetas ajustados
, apesar da esmagadora maioría dos golfistas jogar com varetas com comprimentos standard, estas deveriam der sempre ajustadas à altura de cada um. Uma vareta à medida, facilita tacadas centradas na bola, aumentando o controlo e distância. Nos últimos anos, as ultra-leves cabeças de titânio de grandes dimensões e varetas “ultralight”, paralelamente a um aumento significativo no comprimento das varetas dos Drivers (de 43” para 44” e mesmo 46”), possibilitam significativas distâncias acrescidas ao comum dos mortais, mas ao mesmo tempo, mais difíceis de controlar.

Por isso, não sacrifique demasiado o controlo do seu Driver, à conta das distâncias (mantenha-se pelas 44”, ou menos...).


Caso não tenho uma altura considerada standard, determinar o tamanho ideal das suas varetas
é muito simples e rápido, basta saber a distância do chão ao seu pulso. Precisará de um ajudante e, com sapatos rasos, coloque-se em sentido com os seus pés separados por 30 a 35 cm. Mantenha-se hirto, com os ombros direitos e os braços relaxados para baixo. Peça ao seu ajudante que veja a distância entre o pulso esquerdo e o chão (os esquerdinos deverão mediar a distância do pulso direito).


O Angulo de “Loft”
tem uma influência enorme no que respeita a distâncias do Tee. Por esta razão, deverá ser sempre fruto de uma análise individual. Quanto mais lenta fôr a velocidade do Swing (Senhoras, Seniors e alguns jogadores com flex regulares), mais elevados deverão ser os ângulos de “Loft”. Ângulos mais elevados em termos de “Loft”, permitem um melhor ângulo de lançamento, tranjectória mais alta, um bom “carry” e mais distância.


“LOFTS” recomendados para Drivers:

Vareta LADIES e SENIOR
de flex, com menos de 100 km/h de velocidade de swing – 13º a 15º

Vareta SENIOR 
de flex, com menos de 100-120 km/h de velocidade de swing – 13º

Vareta REGULAR
de flex, com menos de 120-130 km/h de velocidade de swing – 12º

Vareta STIFF
de flex, com menos de 130-150 km/h de velocidade de swing – 11º-10º

Vareta STIFF or X-STIFF
de flex, com mais de 150 km/h de velocidade de swing – 10º a 8º


“Slice”
a partir do Tee, deve ser o problema mais usual de todos os golfistas. Isto quer dizer que o ângulo da face no momento de impacto (transferência de energia), é a chave. Os ângulos da face do taco podem ser abertos, “square” ou fechados.


Distância
: O que faz a bola de golfe “voar” longe? Existem 4 razões principais, para determinar a distância:

A composição da Bola.
Algumas bolas vão efectivamente mais longe do que outras. Qualquer bola de compressão 100, de qualquer marca, irá mais longe do que qualquer tipo de bola de compressão 70.

“Loft” do taco
.

Menos “loft” para Swings mais rápidos = a mais distância, assim como mais “loft”= a mais distância para velocidades de Swing mais lentas.

Comprimento do taco
.

Quanto mais comprido for o taco (até um certa ponto), mais a distância.

Por último e mais importante, é a velocidade do Swing.
Quanto mais elevada for a velocidade da cabeça do taco no momento de impacto, maior a distância.


Quando atingir um nível de jogo aceitável,
deverá considerar uma sessão de Custom-Fitting. Esta técnica permitir-lhe-á adaptar os seus ferros ao seu Swing específico, podendo minimizar algumas características menos positivas.